Acerca de mim

A minha foto
Poeta por inspiração e imposição da alma... Uma pessoa simples, que vive a vida como se fosse a letra de uma canção, o enredo de um filme, a preparação para uma vida superior, à espera da eternidade e do encontro com o Criador.

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Navego à deriva

Navego à deriva nas marés de nenhum mar
numa jangada de pedra que procura naufragar.

Incendeio as águas que flamejam tempestades
e os meus olhos se fecham procurando as verdades
que mentes quando não vejo as mentiras que há em ti
e iludo as carícias que de ti não recebi.

E é mentira, mentira, é mentira
tudo que vem de ti me mente e me engana
e nada me revela a verdade distorcida
com que me ofereces o amor e uma cabana...

(Felipa Monteverde)

2 comentários:

ETERNA APAIXONADA disse...

Quando tudo que buscamos é um porto seguro, acolhedor e que nos receba com amor...
Lindo!
Beijos

Silviah Carvalho disse...

Muit lindo o texto, seu blog é encantador, já sigo, parabéns, sepuesie meu blog.

http://umcoracaoqueama.blogspot.com