Acerca de mim

A minha foto
Poeta por inspiração e imposição da alma... Uma pessoa simples, que vive a vida como se fosse a letra de uma canção, o enredo de um filme, a preparação para uma vida superior, à espera da eternidade e do encontro com o Criador.

domingo, 21 de junho de 2015

Absorta

Quanto mais conheço as pessoas
mais procuro a solidão;
só eu e os meus livros
os meus santos
e os momentos de meditação.

Só eu e Deus
e os filhos que me deu,
que trago sempre no meu coração.

Quanto mais conheço as pessoas
mais procuro estar sozinha;
ter momentos de total isolamento
de solidão absorta
que a solidão é a minha madrinha.

Felipa Monteverde

5 comentários:

✿ chica disse...

Profunda e muito linda poesia! bjs, chica

Maze Oliver disse...

Amiga maravilhoso ver sua postagem! Lindo poema!Profunda!

Jaime Portela disse...

Gosto da sua poesia.
Felipa, tenha um bom fim de semana.
Beijinhos.

Ana Pereira disse...

Boa tarde
Passei pelo teu cantinho para te dar a conhecer o meu modesto espaço de poesia.
Espero que gostes. Um abraço, Ana Pereira
http://almainspiradora.blogspot.pt/

Helicita disse...

Serdeczności, urocza strona, dobrego dnia życzę. Zapraszam
http://www.skrzynkaintencji100.bloog.pl